Record


A Taça de Portugal vai arrancar no próximo fim de semana e o sorteio da 1.ª eliminatória da carismática prova ditou um embate entre dois históricos do futebol português. O U. Tomar recebe a U. Leiria, domingo, às 16 horas, naquele que será um encontro com a história. Apesar de ambas as equipas terem um longo palmarés no futebol português – os leirienses têm 18 participações na 1.ª Divisão contra seis dos tomarenses –, não se defrontam desde 1984. Domingo será o dia do reencontro e Lino Freitas, técnico da equipa tomarense, salienta a importância da partida.

“É sempre bom voltar ao passado”, assinala, antes de realçar que poderá haver surpresas, apesar da diferença entre as duas equipas, visto que a U. Leiria disputa o CN Seniores, enquanto o U. Tomar atua na 1.ª Divisão da AF Santarém. “Estamos a falar de realidades diferentes, mas Taça é Taça.”

Confiança leiriense

A U. Leiria chega à 1.ª eliminatória da Taça de Portugal depois de ter conquistado dois triunfos nas rondas inaugurais do CN Seniores. Um registo que o técnico Jorge Casquilha pretende manter na deslocação a Tomar.

“Vamos com a intenção de passar a eliminatória, mesmo sabendo que vamos defrontar um forte oponente e jogar num sintético, mas a nossa equipa está bem. Vencemos os dois jogos, não sofremos golos e estamos motivados”, salienta o técnico leiriense. Com um plantel totalmente remodelado, com a entrada de 23 jogadores, Jorge Casquilha sublinha que “o foco da equipa está no campeonato, mas sem descurar a Taça de Portugal”. “É uma competição em que há equipas com mais ambições do que nós, mas não vamos tirar o pé. Pensamos jogo a jogo e podemos chegar longe”, adverte o treinador, que antevê um “jogo especial para os adeptos”, dado que os clubes não se defrontam há mais de três décadas.

(Record)

Estádio da Luz, em Lisboa

Árbitro – Xavier de Oliveira (Porto)

BENFICA – Silvino (cap.), José Carlos, Samuel (45m – William), Paulo Madeira, Fernando Mendes, Isaías, Sanchez, Hernâni, Pacheco, Magnusson e César Brito

U. TOMAR – Nelson, Paulo Renato, Eira, Jacob, Alexandrov, Plamen, Ferreira, Pinto, Moreno (87m – Muchanga), Vítor Romero e Capela

1-0 – Fernando Mendes – 21m
2-0 – Magnusson – 29m
3-0 – Magnusson – 30m
3-1 – Moreno – 69m
4-1 – Sanchez – 87m

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem – “Record”, 01.03.1991)

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
(Imagem – “Cidade de Tomar”, 08.03.1991)

Benfica-UT-1991
(Imagem – “Record”, 01.03.1991)

Campo Municipal de Rio Maior

Árbitro – Rui Passeiro (Lisboa)

RIO MAIOR – Horácio; Asdrúbal, Coelho, Mauro e Patrício (66m – Rui Jorge); Rui Costa (62m – Tó Rei), Jorge, Crespo e Rui Aguiar; Vasco e Gabriel

U. TOMAR – Joel; Crisanto, Albano, Rafael e Franque; Simões, Graça, Baía e Branco (86m – Ferreira); Filipe e Galhofas

0-1 – Graça – 45m

Cartões vermelhos – Gabriel e Asdrúbal

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem – “Record”, 15.05.1984)

Estádio Municipal de Tomar

Árbitro – José Alves (Braga)

U. TOMAR – Joel; Crisanto, Albano, Rafael (48m – Filipe) e Franque; Simões, Graça e Baía; Galhofas (76m – José Alberto), Branco e Fernandes

U. Leiria U. LEIRIA – Pontes; Castro, Canana, Patan e Martinho (65m – Teixeira); Serrinha, Esmoriz, João Carvalho e Tininho (70m – Alfredo); José Domingos e Rui

1-0 – Simões (pen.) – 80m

Cartão vermelho – Fernandes (67m)

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem – “Record”, 08.05.1984)

Campo da Mata, nas Caldas da Rainha

Árbitro – Isidro Santos (Porto)

Caldas CALDAS – Carlos Vicente; José da Silva, Custódio (88m – Hélder), Eduardo e Justiniano; Viola, Vitinha e Grilo; Delfim (73m – Coca), Faria e Borga

U. TOMAR – Joel; Crisanto, Albano (55m – Bernardino), Rafael e Franque; Baía, Graça, Simões e José Alberto; Fernandes (38m – Filipe) e Galhofas

1-0 – Delfim – 8m
2-0 – Faria – 38m

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem – “Record”, 01.05.1984)

Estádio 25 de Abril, em Tomar

Árbitro – Frederico Lourenço (Lisboa)

U. TOMAR – Joel; Crisanto, Graça, Rafael e Franque; Simões, Alcídio (27m – Olavo) e Baía; José Alberto (80m – Sousa), Fernandes e Galhofas

B. C. BRANCO – Gaspar; Margaça, Edson, João Cardoso e Chico; Zé Tó (45m – Henrique), Semedo e Narciso; Ulisses, Vieira (45m – Ramalho) e Chainho

1-0 – Galhofas – 16m
2-0 – Simões (pen.) – 36m
2-1 – Narciso (pen.) – 77m
3-1 – Simões – 89m

Cartão vermelho – Chico (87m)
OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem – “Record”, 22.04.1984)

Campo Manuel Marques, em Torres Vedras

Árbitro – Domingos Bernardino (Lisboa)

Torreense TORREENSE – Jorge; Toni, Hélder, Mário João e Rosa; Tozé, Rolão (66m – Alegre), Mário e Álvaro; Nuno (73m – Dialo) e Arnaldo Silva

U. TOMAR – Joel; Crisanto, Franque, Rafael (54m – Ferreira) e Sousa; Alcídio, Graça, Simões e Galhofas (45m – José Alberto); Fernandes e Filipe

1-0 – Álvaro – 16m
2-0 – Álvaro – 52m
3-0 – Rolão – 54m

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(Imagem – “Record”, 17.04.1984)

Página seguinte »