Total               Casa            Fora
                   Jg  V  E  D    G    Pt   V  E  D   G     V  E  D   G
 1º SL Benfica     30 23  4  3  94-20  50  11  3  1 56- 9  12  1  2 38-11
 2º Boavista FC    30 21  6  3  65-23  48  12  1  2 46-15   9  5  1 19- 8
 3º CF Belenenses  30 16  8  6  45-28  40  12  3  - 26- 6   4  5  6 19-22
 4º FC Porto       30 16  7  7  73-33  39   9  4  2 42-15   7  3  5 31-18
 5º Sporting CP    30 16  6  8  54-31  38  11  2  2 34-13   5  4  6 20-18
 6º VSC Guimarães  30 13 10  7  49-32  36   9  4  2 36-17   4  6  5 13-15
 7º SC Braga       30  9 10 11  35-43  28   6  6  3 21-12   3  4  8 14-31
 8º Estoril-Praia  30 10  8 12  31-45  28   8  3  4 15-13   2  5  8 16-32
 9º VFC Setúbal    30  8 10 12  39-42  26   8  4  3 31-19   -  6  9  8-23
10º Atlético CP    30  9  5 16  26-49  23   5  4  6 12-15   4  1 10 14-34
11º Académico      30  7  9 14  32-47  23   6  3  6 20-18   1  6  8 12-29
12º Leixões SC     30  8  6 16  30-65  22   6  5  4 19-16   2  1 12 11-49
13º SC Beira-Mar   30  6  9 15  28-47  21   6  4  5 21-19   -  5 10  7-28
14º UFCI Tomar     30  7  7 16  32-61  21   6  4  5 19-21   1  3 11 13-40
15º SC Farense     30  8  3 19  33-65  19   7  2  6 25-25   1  1 13  8-40
16º GD CUF         30  4 10 16  15-50  18   2  7  6  7-18   2  3 10  8-32

Despromovidos à II Divisão – Farense e CUF
Torneio de competência (liguilla) – Beira-Mar e U. Tomar (despromovido); Montijo (promovido) e Salgueiros
Promovidos da II Divisão – Varzim e Portimonense

Apurado para a Taça dos Campeões Europeus – Benfica
Apurados para a Taça UEFA – Belenenses e FC Porto
Apurado para a Taça dos Vencedores de Taças – Boavista (vencedor Taça Portugal)

A evolução do Campeonato Nacional da I Divisão da época de 1975-76, em que o União de Tomar se despediu do escalão maior do futebol português, foi já recordada nestas páginas (no mês de Janeiro de 2011), podendo ser consultada aqui.

Anúncios